Feliz Ano Velho

Entra ano, sai ano, e o que você aprendeu nos últimos 365 dias? Compartilho com vocês algumas lições que pude tirar de coisas que aconteceram comigo ou presenciei.



Mudanças são necessárias

Nunca é tarde demais para fazer algo novo quando você deixa de acreditar no vigente. Mudar o rumo, o foco, mudar de opinião, é sempre válido. E também significa evoluir, porque toda modificação nos faz crescer, amadurecer, porque passamos a ver a situação de outro ângulo. Ainda que a mudança traga transtornos passageiros, você se fortalece e consegue tirar dali um aprendizado para levar sempre.

Hábitos podem ser mudados

A gente acaba cultivando-os durante uma vida, com a desculpa de que não conseguimos mudar. Nascemos assim, morreremos assim. Por pura falta de iniciativa, permanecemos estagnados. Sedentarismo, mesmice, comodismo. O hábito pode ser positivo ou negativo. Se ruim, pode ser combatido com muita força de vontade. E qualquer um de nós consegue realizar qualquer tipo de coisa!


Precisamos de mais paciência

É um exercício que deve ser praticado todos os dias. Em todos nós, mal e bem habitam juntos, mas devemos saber escolher as batalhas a serem combatidas. Lutar contra o "esse nosso pavio curto" é travar uma guerra contra o que a gente acabou cultivando desde pequenininha, quando da formação de quem hoje somos. Além disso, somente a paciência pode nos proporcionar equilíbrio, moderação e harmonia em todos os âmbitos de nossa vida.

Em vários momentos, teremos que lidar com decepções

As pessoas são assim: confusas, perdidas. Em um piscar de olhos, mudam de ideia sobre si mesmas e sobre o outro. Lidar com elas torna-se mais fácil quando as aceitamos com seus receios e fraquezas, e nos envolvemos no nesse relacionamento de forma mais moderada, sem criar tantas expectativas.

Fotos: Danilo Eduardo

Jamais se distancie de você mesmo 

Quanto mais você se conhece, mais percebe que está no controle da sua vida. Nossa família, nossas raízes e nossa história são essenciais para a pessoa em que nos transformamos. Nossas experiências nos ajudam a lembrar de onde viemos e de que forma queremos seguir nossos caminhos. 


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.