4 motivos para acompanhar Modern Family

O típico sitcom americano Modern Family (que estreou em 2009) busca retratar a família tradicional dos dias atuais, em que os papéis preestabelecidos se reinventam ao longo dos breves episódios. Os estereótipos, ainda que fáceis de se encontrar em qualquer família dita normal, mas confusa (como a madrasta, o casal homossexual, os latinos, filha adolescente bonitona e fútil, e por aí vai), são tratados de forma sutil e inteligente.

A série foi desenvolvida pelos mesmos criadores da premiada Frasier,  Christopher Lloyd e Steven Levitan. Grande parte do sucesso - e dos diversos prêmios como melhor série cômica - está no elenco, certamente. Não consigo identificar um personagem preferido.



01. Sitcom gravada no estilo documentário

O formato “mockumentary” (falso documentário) é uma das boas sacadas da série. Uma câmera acompanha os atores em cena, mas não chega a interagir com eles; em alguns momentos, os personagens fazem relatórios para as lentes. É aí que que eles, bem no estilo paredão, confidenciam seus verdadeiros pontos de vista sobre as diversas situações.

02. Excelente timing cômico

Situações clichês são muito bem distribuídas ao longo dos episódios. A série brinca com os arquétipos das famílias globalizadas no tom exato para o "humor do bem". Além disso, uma superação na trama acontece pelo fato de os episódios não serem gravados em frente a um público ao vivo, geralmente responsável por aquelas risadas forçadas.



03. O roteiro

Os episódios duram pouco mais que 20 minutos e os textos são muito bem escritos e conseguem ser atemporais. O roteiro trabalhou muito bem a evolução dos personagens. A piada é feita com as próprias diferenças, livrando o espectador de um tendencioso tédio. O típico "humor ao contrário" é trabalhado na trama em uma linha em que o preconceito e o divertido se fundem e se confundem de forma perspicaz.

04. O elenco

Com o olhar, eles quebram a quarta tela e comédia contida e nos fazem parte do universo. As atuações, por vezes exageradas vistas fora de contexto, são o ponto alto da série.



Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.